Aprenda como aplicar BI na área de vendas
Share on FacebookShare on Google+Tweet about this on TwitterShare on LinkedIn

As ferramentas de Business Intelligence ou BI são cada vez mais aplicadas no mundo dos negócios. Elas oferecem insights poderosos sobre diversas partes do empreendimento, até mesmo sobre a conquista de clientes. Com a utilização correta de BI na área de vendas, o desempenho é ainda melhor.

Um dos benefícios dessa solução, inclusive, é a sua versatilidade. O recurso é aplicável em vários pontos do processo e, com isso, atende a vários interesses dos estabelecimentos.

Na sequência, veja como os elementos de BI na área de vendas podem trazer bons resultados.

Descubra o comportamento dos clientes com a ferramenta

Por causa da grande quantidade de informações cruzadas e das tendências encontradas, um dos usos clássicos de BI tem a ver com o comportamento. No caso da parte comercial, é possível entender como as pessoas agem em relação às vendas.

Graças à ferramenta, dá para saber quais são as preferências, bem como quais são suas maiores objeções para a compra. A partir disso, dá para prever necessidades e antecipar decisões.

Essencialmente, é algo que ajuda a identificar o que as pessoas desejam antes mesmo que elas se manifestem. Assim, o negócio consegue fazer ofertas diretas e mais eficientes.

Faça uma boa previsão da demanda de vendas com BI

Já que dá para extrapolar as informações, outra aplicação tem a ver com o provável futuro do setor comercial. A partir de desempenhos anteriores e de outros cruzamentos, dá para fazer um bom forecasting ou previsão de conversões.

Essa aplicação do BI na área de vendas é essencial para a parte logística e de estrutura. Ao entender a expectativa de faturamento, dá para definir qual tem que ser o tamanho de estoque ou como a equipe deve ser preparada, por exemplo.

Diante de uma identificação de baixa, dá para se antecipar e já planejar atividades para virar o jogo.

Acompanhe o desempenho do time com BI na área de vendas

Para se diferenciar, também é necessário entender como anda o trabalho da equipe. Saber quais vendedores têm gerado mais resultados e como andam os números, permite tomar as melhores decisões.

Nesse caso, o uso do BI pode incluir os diversos indicadores-chave de performance (KPI). Além da taxa de conversão, dá para segmentar os clientes e saber em qual fase do funil de vendas está cada lead.

Também é um jeito de obter outras informações, como ticket médio, tempo médio de fechamento e até de satisfação. Com o cruzamento de dados, há ainda mais conhecimento.

Meça a efetividade de ações comerciais

Entender o retorno sobre o investimento de uma promoção ou de um treinamento de vendedores nem sempre é fácil. Felizmente, com o uso de BI na área de vendas é possível contornar o desafio.

Com as informações estruturadas, há como verificar a efetividade de certas decisões, ações comerciais e movimentos específicos. Isso é essencial porque ajuda a priorizar o que funciona melhor, de modo a gerar resultados ainda maiores.

A aplicação de BI na área de vendas pode acontecer de diversas maneiras, desde o conhecimento dos clientes até na mensuração. Com as ferramentas corretas, é possível otimizar a gestão comercial.

Para não ter dúvidas sobre o que fazer, saiba como iniciar um projeto de BI do jeito certo!

Leave a Comment

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *